Buscar

Empresas latino-americanas e asiáticas dizem “não” às gaiolas em bateria



Após diálogos com Act for Farmed Animals, uma coalização entre a Sinergia Animal e a Animal Friends Jogja, uma organização indonésia de proteção animal, a empresa indonésia Ismaya Group recentemente anunciou uma diretriz livre de gaiolas para as galinhas poedeiras em sua rede de abastecimento. Além dela, a rede latino-americana de pizzarias Almacén de Pizzas também se comprometeu a apenas adquirir seus suprimentos de fornecedores que garantem não manter galinhas em sistemas de gaiolas em bateria.


Fundada em 2003, a marca de estilo de vida Ismaya Group se comprometeu a transicionar para um sistema de fornecimento completamente livre de gaiolas. Com mais de 60 estabelecimentos globalmente e dona de mais outras 20 marcas, a empresa também está presente no setor hoteleiro, principalmente na Ásia (incluindo a Indonésia). A transição da Ismaya Group será completada até 2028.


Com 25 unidades em países latino-americanos, incluindo Argentina, Uruguai, Paraguai e Peru, a rede de pizzarias Almacén Pizza anunciou uma diretriz de uso de ovos exclusivamente não provenientes de sistemas de gaiolas em bateria. A diretriz, que deve ser totalmente implantada até 2025, será aplicada a todas as unidades da empresa.


Gaiolas em bateria são a forma mais comum de alojamento das galinhas poedeiras na pecuária industrial, e o impacto desse sistema nas galinhas é profundo. As gaiolas abrigam entre 5 e 10 galinhas, onde cada ave vive em um espaço menor que o de uma folha de papel A4. O espaço superlotado impede as galinhas de performarem comportamentos naturais, como se aninharem ou abrirem as asas completamente.


A Sinergia Animal usa diálogo, negociações e campanhas de conscientização pública para encorajar grandes empresas do setor alimentício a adotarem diretrizes livres de gaiolas em suas redes de fornecimento.


O confinamento em gaiolas pode causar imenso sofrimento às galinhas, além de frustração durante toda a sua vida. A adoção de diretrizes livres de gaiolas é um grande avanço que vai impactar a vida de centenas de milhares de galinhas na América Latina e na Ásia.